Connect with us

Hi, what are you looking for?

Movimento de Utentes e Serviços Públicos do Concelho de Rio Maior
Movimento de Utentes e Serviços Públicos do Concelho de Rio Maior

Infraestruturas

Foi publicado o Concurso para a requalificação da Obra IC2 / EN1 em Diário da Republica

O Movimento de Utentes dos serviços públicos do Distrito de Santarém através da Comissao de utentes dos serviços públicos do concelho de Rio Maior e dos Utentes do IC2, numa luta conjunta contra o que consideram ser a e “estrada da vergonha”, isto porque por ano existe uma média de oito mortes em acidentes nesta via e  diariamente ocorrem danos provocados em viaturas devido ao  mau estado da estrada há muitos anos.

A  marcha lenta partiu da Vila da Benedita pouco depois das 10:00, com largas dezenas de carros

Recordamos que a requalificação do IC2 está anunciada desde outubro de 2015, mas o lançamento do concurso tem sido sucessivamente adiado.

A Infraestruturas de Portugal (IP) deliberou em outubro de 2015 lançar o procedimento pré-contratual necessário à contratação da empreitada “IC2/EN1 – Beneficiação entre Asseiceira (KM 65+200) e Freires (KM 85+500)”, pelo valor de 7,5 milhões de euros, que, na altura, foi distribuída pelos anos de 2016 (1,15 milhões de euros) e 2017 (6,35 milhões de euros).

O lançamento do concurso voltou a estar previsto até ao final de 2018, com previsão do início da empreitada no segundo semestre de 2019, “condicionado, todavia, à obtenção da autorização de encargos plurianuais, solicitada em Agosto”, como admitiu a empresa na resposta a uma questão do município de Rio Maior.

Em Julho de 2019, nas vésperas do protesto, a IP afirmou estar previsto o lançamento do concurso público da empreitada de beneficiação do troço do IC2 entre Asseiceira (Rio Maior) e Freires (Alcobaça) ainda durante o ano de 2019.

No passado dia 19 de Fevereiro, a IP anunciou para este mês o lançamento do concurso público para a empreitada de requalificação do IC2/EN1 entre o nó da Asseiceira e a zona urbana de Freires, no valor de 7,5 milhões de euros e com um prazo de execução de 450 dias, informação prestada pela Infraestruturas de Portugal com a comissão de Utentes dos serviços públicos de Rio Maior

Finalmente foi  hoje foi publicado em Diário da República uma Portaria que autoriza a IP a proceder à repartição de encargos para a beneficiação do troço entre Asseiceira e Freires, Portaria disponivel para consulta na integra no final deste artigo.

Sendo que a luta não termina hoje com a Publicação, a Luta irá continuar até a obra estar concluida!

Os Utentes vão continuar vigilantes até esta promessa cumprida

 

Clique na Imagem para ver o Documento

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

You May Also Like